Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Literatura e Sociedade n. 6 (2002)

 Literatura e Sociedade N.6 (2002)
"Edição comemorativa 2"

 

    A Revista Literatura e Sociedade está disponível online no Portal de Revistas da USP. Confira o conteúdo completo deste número, acessando nossa página: http://www.revistas.usp.br/ls/issue/view/1851

                            

Editorial

           Este número de Literatura e Sociedade associa-se intimamente ao anterior, comemorando, desta vez, os 40 anos da Área de Teoria Literária e Literatura Comparada. Caracteriza-o a reunião de artigos escritos a partir dos anos de 1940 até 2002, o que lhe permite colocar lado a lado diferentes gerações de professores e oferecer ao leitor um amplo e denso painel de questões literárias, artísticas, culturais e filosóficas - focos de atenção e interesse, momentâneos ou prolongados - no decorrer da vida intelectual de cada um dos articulistas.

           Abre-se este número 6 de Literatura e Sociedade com uma entrevista concedida em 1994 por Roberto Schwarz a Eva L. Corredor. O lugar e o destaque atribuídos intencionalmente a essa entrevista, integrante do livro Lukács after Communism: lnterviews with Contemporary Intellectuals, foi o modo que encontramos para homenagear o primeiro professor indicado por Antonio Candido ao fundar a Área de Teoria Literária e Literatura Comparada, em 1961.

           Segue-se a seção Ensaios, composta por artigos de atuais e exdocentes efetivos, de alguns dos professores colaboradores e visitantes da Área e de um convidado. Os artigos, apresentados por ordem alfabética de autoria, foram distribuídos em quatro blocos. Os dois primeiros reúnem ensaios sobre poesia e narrativa: "A Paixão na Literatura: do Cântico dos cânticos e dos gregos à poesia contemporânea", de Adélia Bezerra de Meneses; "Lírica e dialética na amizade entre Walter Benjamin e Bertolt Brecht", de Marcus Vinicius Mazzari; "Inconfidências poéticas de Elefante", de Maria Augusta Fonseca; "Contradição e unidade em Baudelaire", de Viviana Bosi; "À margem: notas sobre Desabrigo, de Antônio Fraga", de Andrea Saad Hossne; "Leilão divino, tribunal jagunço, duelo de bravos: rito, lei, ordem e costumes em Guimarães Rosa", de Fábio de Souza Andrade; "Duas histórias a modo de Marcel Aymé e Clarice Lispector", de Regina Pontieri.

            O terceiro bloco, diversificado, congrega outros gêneros e temas abrangentes como relações entre Crítica e Psicanálise, Teatro, Historiografia e Autobiografia literárias e Literatura de viagem: "Crítica literária e Psicanálise: contribuições e limites", de Cleusa Rios Pinheiro Passos; "Na confusão de Santa Cecília", de Iná Camargo Costa; "Colonialismo e vida literária no Império português", de Rita Natal Chaves; "Sexo na senzala: Casa grande & senzala entre o ensaio e a autobiografia", de Roberto Ventura; "Da sedução à saudade literária: Literatura de viagem na Belle Époque", de Sandra Nitrini. Todos os artigos que compõem esses três primeiros blocos são inéditos.

            O quarto e último bloco, também heterogêneo na sua temática, reúne ensaios (alguns aqui republicados) de professores colaboradores, visitantes e do docente convidado: "A liberdade de imaginar", de Franklin Leopoldo e Silva, que muito tem colaborado com o Departamento, participando de bancas e ministrando aulas em cursos dos colegas; "Por direito de conquista", de José Paulo Paes, o poeta que ministrou um curso de pós-graduação na década de 1990, como professor visitante; "O imaginário nos trilhos", de Marlyse Meyer, marca a presença de uma professora que, por vários anos, atuou nos cursos de graduação e de pós-graduação, no início dos anos 1980; finalmente, o ensaio "Avalovara: precisão e fantasia, de Modesto Carone, que participou, na década de 1990, por quatro semestres consecutivos, das atividades docentes nos níveis de graduação e pós-graduação.

             Dá-se continuidade, ainda, à seção Rodapé, criada no número anterior, para abrigar vários artigos publicados por Antonio Candido, como crítico literário nos jornais Diário de S. Paulo e Folha da Manhã, de 1943 a 1947. A reprodução desta nova série de artigos tem o intuito de trazer para a atualidade aquelas linhas de força substantivas de uma produção também dirigida a um público fora da esfera acadêmica. Desta vez o leitor de Rodapé terá acesso a notas críticas extraídas da Folha da Manhã: "Poetas menores de hoje (I, II e III)", e do Diário de S. Paulo: "Percalços do infinito", "Crítica de poeta", "Dia longo", "Conversa fiada", "Duas notas". Este número traz ainda como novidade um artigo de Gilda de Mello e Souza sobre teatro, "As três irmãs", originariamente publicado no Suplemento Literário d'O Estado de S. Paulo, e a seqüência de ensaios sobre cinema, de Paulo Emilio Sales Gomes, colocados pela primeira vez à disposição dos leitores também no Suplemento Literário d'O Estado de S. Paulo, nos anos 1950: "O homem Eisenstein", "O pensamento de Eisenstein", "A formação de Eisenstein", "Eisenstein e a massa", "Eisenstein e a mística" e "Eisenstein e o herói". E, completando o grupo, um artigo de Ruy Coelho, "Marcel Proust e a nossa época", publicado no número 1 da Revista Clima. A propósito, vale lembrar que Décio de Almeida Prado, também colaborador, integrará o número 7 da revista, voltado para o Modernismo brasileiro.

           Com isso, homenageamos na seção Rodapé os que colaboraram como docentes, no primeiro curso de pós-graduação, no início da década de 1970, junto à Área. Esses vários escritos das décadas de 1940 e 1950 distinguem jovens de uma época, particularizados na Revista Clima, com inquietações culturais, intelectuais e sociais, num projeto de grande alcance. O tributo serve para registrar uma efetiva e eficaz visão interdisciplinar, numa diversidade de leituras e perspectivas críticas que permanecem atuais em muitos de seus questionamentos e propostas.

           Na seção Biblioteca - "Publicações do Departamento", reproduzem-se na íntegra orelhas de livros, referentes à produção acadêmica de 2000 e 200l.

           Foram convidados para colaborar neste número especial todos os professores em exercício e os aposentados, que fazem ou faziam parte do quadro de seus docentes efetivos, até o ano de 2001, de modo que o corpo docente atual está representado neste número em sua maioria. Tal fato é inusitado em Literatura e Sociedade, uma vez que sua linha editorial desde o primeiro número foi marcada pela preocupação de não fazer desta Revista apenas um escoadouro de publicações de docentes da casa, motivado por injunções de uma política de produção acadêmica quantitativa. Trata-se de uma exceção, justificada por seu teor especial.

        Finalmente, evocamos a lembrança de docentes que foram atuantes, cada um a seu modo, para o desenvolvimento de nossa Área e que já faleceram: Lucila Ribeiro Bernardet, João Luiz Machado Lafetá e Roberto Ventura, autor de um dos artigos deste número, com quem convivemos até recentemente, e ainda estamos sob o impacto de sua trágica morte.

 

Entrevista

Entrevista com Roberto Schwarz
por Eva L. Corredor

Ensaios

A Paixão na literatura: do Cântico dos cânticos e dos gregos à poesia contemporânea
Adélia Bezerra de Meneses

Lírica e dialética na amizade entre Walter Benjamin e Bertolt Brecht
Marcus Vinicius Mazzari

Inconfidências poéticas de Elefante
Maria Augusta Fonseca

Contradição e unidade em Baudelaire
Viviana Bosi

À margem: notas sobre Desabrigo de Antônio Fraga
Andrea Saad Hossne

Leilão divino, tribunal jagunço, duelo de bravos: rito, lei, ordem e costume em Guimarães Rosa
Fábio de Souza Andrade

Duas histórias a modo de Marcel Aymé e Clarice Lispector
Regina Pontieri

Crítica literária e Psicanálise: contribuições e limites
Cleusa Rios Pinheiro Passos

Na confusão de Santa Cecília
Iná Camargo Costa

Colonialismo e vida operária no império português
Rita Natal Chaves

Sexo na senzala: Casa grande & senzala entre o ensaio e a autobiografia
Roberto Ventura

Da sedução à saudade literária: Literatura de viagem na Belle Époque
Sandra Nitrini

A liberdade de imaginar
Franklin Leopoldo e Silva

Por direito de conquista
José Paulo Paes

O imaginário dos trilhos
Marlyse Meyer

Avalovara: precisão e fantasia
Modesto Carone

Rodapé

Notas de crítica literária
Antonio Candido

As três irmãs
Gilda de Mello e Souza

Ensaios sobre Eisenstein
Paulo Emilio Sales Gomes

Marcel Proust e nossa época
Ruy Coelho

Biblioteca

Publicações do Departamento

Sandra Nitrini (coord.)
Maria Augusta Fonseca
Viviana Bosi