Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Revista Magma 03 - 1996

  Magma 3 - 1996

Editorial

Imagem

Com o lançamento deste terceiro número de Magma, o Departamento de Teoria Literária e Literatura Comparada dá continuidade a seu projeto editorial conjunto, iniciado em 94, com a estréia da revista, e culminado com a publicação do primeiro número de Literatura e Sociedade em março deste ano.

Doravante, uma a cada semestre, prosseguem juntas, como as margens da mesma estrada, mantendo cada uma sua feição própria.

Dando seqüência na seção Evento ao projeto de resgatar a memória do Departamento, na figura de seus fundadores e de seus integrantes mais antigos, Magma abre com o depoimento do professor, tradutor, escritor e crítico Boris Schnaiderman, em que, sobre narrar episódios de sua vida, reflete sobre seu oficio e nos brinda com um capítulo de seu livro, ainda inédito, Os Escombros e o Mito - A Cultura e o Fim da União Soviética.

A seção Ensaios apresenta trabalhos filiados a várias linhas de pesquisa do Departamento (por ordem de entrada - literatura, psicanálise e sociedade; teoria da narrativa: o romance e o conto no Brasil; literatura comparada; crítica e criação; teoria da poesia e modemidade; história literária e história social) e traz texto de um historiador que versa as relações entre literatura e história.

Exclusivamente cedida a Magma pela editora Verlag der Autoren e traduzida por José Galisi Filho, estampa a seção Tradução a entrevista de Wolfgang Heise com o importante dramaturgo alemão Heiner Müller, recentemente falecido.

A seção Resenhas começa neste número a lavrar em seara própria. Com a resenha de teses e dissertações, Magma pensa prestar um serviço cultural relevante a alunos, professores e eventualmente editores.

Segue a seção Informes divulgando as teses e dissertações defendidas no período junto ao Departamento e eventos culturais importantes que ocorrem dentro ou fora da Universidade.

Poemas inéditos de jovens autores ou autores já conhecidos integram a seção Criação, incluindo um poema em memória do Professor João Luiz Machado Lafetá, a quem irreparavelmente perdemos, no auge de suas forças intelectuais, e a quem dedicamos, por tudo o que foi, como mestre, como crítico e como amigo, este número da revista.

Por fim, a equipe de Magma agradece especialmente à Professora Aurora Fornoni Bernardini, cujo empenho e incentivo estão na origem desta publicação, a qual tem merecido de parte de seus leitores e colaboradores, nacionais ou estrangeiros (a revista já foi pedida pela Suíça e pela Holanda), recepção cada vez mais larga e calorosa, coisa que recompensa, para além das expectativas, os esforços despendidos.

 

Sumário

Evento

Entrevista

 

Encontro com Boris Schnaiderman

Inédito de Boris Schnaiderman

 

Entre a ficção e a história


Ensaios

A alma desiludida habita Às Avessas
Enrique Mandelbaum

 

A problematização da alteridade no conto
"A menor mulher do mundo", de Clarice Lispector
Neide Luzia de Rezende

A insuportável contenção: Clarice Lispector e Katherine Mansfield
Ricardo Iannace

 

Aspectos da crítica literária de Machado de Assis
Gabriela Kvacek Betella

Método e miragem: Murilo Mendes e Paul Valéry
Ricardo Gonçalves Barreto

 

A literatura e seu duplo: uma aventura dentro da história
Noemia Davidovich Fryszman

A narrativa, a história e o "miúdo recruzado"
Eduardo Spiller Pena

 

 


Tradução

 

Uma conversa entre Heiner Müller e Wolfgang Heise
José Galisi Filho


Criação

Carícias
Hermenegildo Bastos

 

O palácio da fronteira
Moacir Amâncio

João e as árvores
Airton Paschoa

 

 


Resenhas

 

Do heróico ao erótico: uma leitura de O Guarani, de Audemaro Taranto Goulart
Kátia Mendes Garmes


Informes

 
Comissão Editorial
 

 

Airton Paschoa
Andrea Saad Hossne
Marília Librandi Rocha
Miriam Silvia Schwartz Brenner